Gravidez

O mel pode estar grávida?

Pin
Send
Share
Send
Send


O mel pode ser ingerido durante a gestação em resfriados e aumentar a imunidade.As mulheres que estão carregando uma criança, durante este período, devem tomar cuidado não apenas com a saúde, mas também com a saúde do futuro bebê. Primeiro de tudo, você tem que rever sua dieta e minimizar ou até mesmo abandonar alguns dos produtos habituais. Isso também se aplica ao mel. Vamos ver se você pode ficar grávida.

O mel não é apenas doce, ele contém muitos elementos micro e macro necessários para o funcionamento normal do corpo. Consiste em:

  • sódio,
  • potássio
  • ferro,
  • magnésio,
  • cobre
  • zinco
  • manganês
  • enzimas
  • ácidos orgânicos
  • vitaminas A, grupos B, C, E, K, PP,
  • glicose,
  • sacarose,
  • água

Então, é possível comer mel para mulheres grávidas e que benefícios traz:

  • fortalece o sistema imunológico
  • melhora a circulação uterina,
  • melhora a drenagem linfática
  • tem um efeito relaxante na musculatura lisa do útero,
  • tonifica os vasos sanguíneos.

Herbalists recomendam escolher variedades escuras de mel. Por exemplo, o mel de trigo mourisco contém 4 vezes mais ferro, 2 vezes mais cobre e 14 vezes mais magnésio que o mel de acácia.

Posso usar mel no primeiro trimestre para mulheres grávidas? Sim, especialmente com forte toxemia. Ele lida com surtos de náusea e tontura.

Nos estágios iniciais da gravidez, você pode usar o mel se sentir fraqueza constante, sonolência. Este produto ajudará a restaurar a vitalidade.

Você pode mel e gravidez tardia. Ele salvará uma mulher de desenvolver anemia. Para fazer isso, basta dissolver 1 colher de chá do produto por dia. O mel, dissolvendo-se lentamente, fornece ferro ao sangue da mãe e normaliza sua composição.

No terceiro trimestre, todos os órgãos de uma mulher trabalham em um modo aprimorado, a carga sobre o corpo aumenta muitas vezes. Para apoiar o trabalho dos órgãos internos, incluindo o trabalho do sistema cardiovascular, os médicos também recomendam o uso desse produto útil.

A taxa de uso de mel durante a gravidez

Uma mulher grávida deve entender a verdade simples - até mesmo produtos saudáveis ​​devem ser consumidos com moderação. Você já sabe que o mel durante a gravidez não é apenas possível, mas necessário para comer. No entanto, na sua condição, 2 colheres de chá por dia serão suficientes:

  1. Não se esqueça que todos os produtos apícolas são alergénicos o suficiente. E mesmo que você nunca tenha se deparado com isso antes, você deve ser extremamente cuidadoso no período de ter um filho. Devido aos hormônios "furiosos", é impossível determinar exatamente como o corpo reage.
  2. O mel contém uma grande quantidade de glicose e sacarose, é um produto bastante alto teor calórico. E em sua condição, os quilos extras são inúteis.

Como usar o mel durante a gravidez com um resfriado

Adicione o mel para aquecer o leite ou o chá Todos os sistemas vitais de uma mulher estão agora trabalhando com uma carga dupla. Muitas vezes isso leva a um enfraquecimento do sistema imunológico e, portanto, o risco de resfriados aumenta significativamente. Medicação, especialmente antibióticos, é altamente indesejável durante este período.

Por hábito, algumas mulheres grávidas começam a ser tratadas com mel e chá, mas isso pode ser feito? Seu ginecologista irá responder a esta pergunta de forma afirmativa, se você não tem nenhuma contra-indicação direta para este produto. Claro, você não deve se deixar levar muito, mas uma xícara de chá não forte com uma colher de mel será a sua vantagem. Você também pode preparar chás de ervas e frutas silvestres.

Ingredientes:

  1. Linden cor - 3-4 pcs.
  2. Água - 200 ml.
  3. Mel - 1 colher de chá.

Como cozinhar: Preencha água fervente de tília, deixe fermentar por 10-15 minutos, depois coe. Mel não é recomendado para colocar em bebidas muito quentes, de modo a não destruir suas propriedades úteis.

Como usar: Tome 1-2 vezes ao dia até a recuperação.

O resultado: Remove o processo inflamatório. É indicado para resfriados, pneumonia e bronquite.

No chá, você pode adicionar uma fatia de limão. E você pode fazer para as mulheres grávidas mel com limão.

Ingredientes:

  1. Limão - 1 pc.
  2. Mel - 2-3 colheres de sopa.

Como cozinhar: Lave bem os citros, despeje água fervente sobre ele e corte em pedaços pequenos junto com a casca. Encha a fruta com mel e deixe repousar por cerca de 30 minutos.

Como usar: Tome 1 colher de chá três vezes ao dia até a recuperação completa.

O resultado: A vitamina C, contida no limão, fortalece o sistema imunológico, reduz a inflamação. Remove a dor de garganta. Normaliza a temperatura.

Também os fitoterapeutas respondem - mulheres grávidas podem tomar chá com gengibre e mel.

Ingredientes:

  1. Gengibre (ralado) - 1 colher de chá.
  2. Chá verde - 1 colher de chá.
  3. Mel - 1 colher de chá.
  4. Água - 200 ml.

Como cozinhar: Misture o chá com raiz de gengibre ralado, despeje água fervente e deixe fermentar por 15-20 minutos. Adicione o mel.

Como usar: Tome duas vezes por dia durante o tratamento a frio.

O resultado: Fortalece o sistema imunológico, tem efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios.

Ele ajuda bem com infecções virais respiratórias agudas e rabanete com mel, mulheres grávidas podem usá-lo internamente e enterrar o remédio no nariz.

Ingredientes:

  1. Rabanete preto - 1 pc.
  2. Mel - 2-3 colheres de sopa.

Como cozinhar: Rabanete escolha tamanho médio. Lave bem a raiz, corte a parte superior e remova o núcleo com uma colher ou faca. Derrame o mel para dentro. Deixe repousar por 2 a 3 horas.

Como usar: Ao tomar internamente, tome 1 colher de chá 2 vezes ao dia, como um meio nasal, tome 2 gotas em cada narina 2 a 3 vezes ao dia.

O resultado: Mata microorganismos nocivos. Alivia a inflamação. Fortalece a imunidade local.

Você pode mel grávida com leite para o tratamento da dor de garganta e frio. Esta ferramenta, por sinal, tem um efeito calmante. Se no processo de transportar uma criança ter insônia, uma bebida, bebida 1 hora antes de dormir, irá garantir a futura mãe sono saudável.

Ingredientes:

  1. Leite - 200 ml.
  2. Mel - 1 colher de chá.

Como cozinhar: Ferva o leite, deixe esfriar um pouco. Adicione uma colher de mel à caneca.

Como usar: Tome 2 vezes ao dia até se recuperar.

O resultado: Bebida alivia a dor de garganta, reduz a transpiração. Você pode mel grávida quando tossir.

Para resfriados, as mulheres grávidas podem adicionar refrigerante ao leite com mel. Esta bebida também é útil para azia.

Ingredientes:

  1. Leite - 200 ml.
  2. Mel - 1 colher de chá.
  3. Soda - 0,5 colher de chá.

Como cozinhar: Adicione mel e refrigerante ao leite fervido.

Como usar: Tome 100 ml três vezes ao dia.

O resultado: Reduz a tosse, catarro dos brônquios e pulmões.

Contra-indicações

Comer mel para mulheres grávidas só é possível na ausência de tais contra-indicações:

  • suscetibilidade a reações alérgicas
  • intolerância individual,
  • diabetes.

Na presença de doenças crônicas do trato digestivo, fígado ou rim, é necessário coordenar a recepção deste produto com o seu médico.

A inalação de mel é estritamente proibida se você tiver problemas com os pulmões ou coração, bem como com uma tendência a manifestações asmáticas. Se durante a gravidez fria com uma temperatura, mel em todo o caso, não tome.

Se o ginecologista apontar para um "busto" de peso, é melhor abandonar essa doçura de calorias.

Nas pessoas freqüentemente usadas para o tratamento de resfriados várias tinturas em álcool, incluindo hidromel. Mas as mulheres grávidas em nenhum caso para beber hidromel. Como todas as outras tinturas alcoólicas, elas são estritamente proibidas durante o transporte da criança. O trepang grávido no mel também é contra-indicado.

Não esqueça que mesmo os produtos mais úteis usados ​​em doses excessivamente grandes podem causar sérios problemas ao seu corpo. Isto é especialmente verdade para o terceiro trimestre de gravidez, quando os recursos do corpo começam a esgotar.

A composição e os benefícios do produto de abelha para grávidas

O mel é indispensável para tratar e prevenir resfriados durante a gravidez. Afinal, os medicamentos são proibidos pela futura mãe, pois afetam negativamente o corpo do feto e atrapalham seu desenvolvimento. Por esta razão, você tem que ser tratado com mel, porque é mais seguro para mulheres e crianças.

O mel tem um efeito benéfico sobre os músculos lisos do útero, estimula a circulação sanguínea na pélvis, limpa os vasos sanguíneos e os brônquios. Uma solução de mel é usada como uma injeção para estimular a atividade genérica durante o parto prolongado.

O produto da abelha é usado na toxicose, como um agente antiemético eficaz. O mel previne o esgotamento e a desidratação. Com o uso regular de um doce, você pode evitar uma diminuição no nível de hemoglobina no sangue.

O mel é recomendado para dor de dente, fortalece e branqueia o esmalte dos dentes. A solução de mel é usada para tratar doenças oftálmicas.

O efeito benéfico do mel é devido à ação de seus componentes:

• Minerais (ferro, cobre, potássio, zinco).
• Vitaminas (retinol, ácido ascórbico, tocoferol, ácido nicotínico, elementos dos grupos B e K).
Ácidos orgânicos.
• Carboidratos (frutose, glicose, sacarose).
• Aminoácidos.
• Óleos essenciais, etc.

A composição do mel é em muitos aspectos semelhante ao sangue humano, de modo que o produto é perfeitamente absorvido pelo corpo.

Uma mulher "em posição" é adequada para qualquer tipo de tratamento doce. Para eliminar a tosse durante um resfriado, eles usam mel de lima, e para a prevenção de anemia e melhorando o sistema cardiovascular, eles usam trigo mourisco. O líquido curativo de tons âmbar escuros é mais útil que as variedades leves.

O uso de mel em diferentes fases da gravidez

Não é segredo que a gravidez é dividida em três trimestres. Em cada estágio, uma mulher deve consumir certas vitaminas, minerais e outras substâncias benéficas. Graças a eles, a mãe se sente bem e o feto se desenvolve completamente. O mel estimula a circulação sanguínea no útero e está envolvido no transporte de oxigênio para o embrião.

Os médicos recomendam usar mel para mulheres grávidas nos estágios iniciais. Durante este período, os órgãos e sistemas do feto começam a se formar e, portanto, a mãe precisa de energia e nutrientes adicionais. No primeiro trimestre, as mulheres geralmente puxam o doce. Para saciar a sua sede e não fazer mal ao corpo, recomenda-se substituir a massa (bolo, bolo, doce) por mel. Como resultado, os hormônios da gravidez são ativados e o peso permanecerá dentro da faixa normal.

Se a gestante se sentir enjoada, letárgica, houver distúrbios do sono, então os médicos aconselham a beber chá com mel ou apenas comer 2-3 colheres antes de ir para a cama. Com o consumo regular, o bem-estar das mulheres irá melhorar.

Recomenda-se comer mel para mulheres grávidas no 2º trimestre, quando a mulher tiver um apetite aumentado. Dose diária - 2 colheres de sopa. colheres ao longo do dia, quando você realmente quer comer. Deleite doce ajuda com a constipação, normaliza a digestão.

Também é desejável usar o mel para mulheres grávidas no terceiro trimestre. Produto de abelha pode ser adicionado ao chá, cereais ou apenas para comer. Isso não é apenas saboroso, mas também é útil, já que os médicos recomendam a substituição de açúcar por mel enquanto se observa uma dieta sem placa.

Mel grávida tardia é necessária, mas deve cumprir a dosagem. A porção diária máxima de delicadeza é de 60 a 100 g (não mais que 3 colheres de sopa de mel). Caso contrário, o mel afetará adversamente o corpo, que se manifesta por dor de cabeça, febre, distúrbios digestivos e febre da urtiga.

Receitas De Mel

Mel durante a gravidez ajuda a resolver muitos problemas:

• Mel e limão elimina os sintomas de toxemia. Para fazer isso, misture 200 ml de água filtrada à temperatura ambiente com 1 colher de sopa. uma colher de mel e 25 ml de suco de limão. Misture tudo e beba enquanto se sentir mal.

• Mel com beterraba reduz a pressão alta. Para preparar o medicamento doce, misture o produto da abelha com o suco de beterraba na proporção de 1: 1. Use 25 a 50 ml três vezes ao dia.

• Para eliminar a constipação e normalizar a digestão, misture 200 ml de água com 1 colher de sopa. uma colher de mel.

• Grávida mel com frio é necessário. As mulheres usam o chá para prevenir resfriados, fortalecer as defesas e saturar o corpo com nutrientes.

• Leite materno maduro ajuda a relaxar, acalmar, fortalecer o sistema imunológico. Leite com mel refere-se a um produto altamente calórico que substitui a ingestão de alimentos. Como parte da bebida vitaminas, minerais, proteínas, que é facilmente absorvido. Leite morno com mel para a noite ajuda a adormecer, elimina a azia, previne resfriados. Para fazer uma bebida curativa, misture 200 ml de leite com 25 g de mel.

• Mel quando tossir é misturado com rabanete. Para fazer isso, tome 500 ml de suco de rabanete preto e 200 g de produto de abelha, misture bem. Coma 1 colher de chá antes de comer duas vezes por dia. Rabanete com mel é proibido de usar quando ameaçado com aborto, hipertonia do útero.

• Mel a uma temperatura de grávida é recomendado para usar com gengibre e canela. Com estes componentes, você precisa fazer chá, que tem um efeito antibacteriano e anti-inflamatório. Canela com mel e gengibre limpa as vias aéreas, alivia a dor de garganta.

• Gengibre com mel elimina a tosse. Raiz de gengibre é espremido, suco espremido e misturado com suco de limão na proporção de 1: 1. Em seguida, adicione ½ colher de chá de mel ao líquido. Mistura terapêutica consumida 5 ml a cada hora.

• Aloe com mel ajuda a se livrar da gastrite. A seiva da planta é misturada com o produto da abelha na proporção de 1: 1 e consumida 5 ml 3 vezes ao dia.

Ainda há uma massa de receitas com a adição de "ouro de abelha". Por exemplo, o mel com própolis nutre o corpo com uma enorme quantidade de nutrientes. A mistura destrói microorganismos patogênicos, elimina a inflamação, fortalece o sistema imunológico, etc.

Indicações e contra-indicações

Mel durante o período de gestação é usado nos seguintes casos:

• Imunidade enfraquecida.
Irritabilidade.
• distúrbios do sono.
• Falta de substâncias benéficas (vitaminas, minerais).
• Distúrbios do coração.
• Hipertensão
• Predisposição para doenças catarrais.
• Toxicose.
• Distúrbios digestivos.

O produto da abelha é contra-indicado em tais casos:

• Hipersensibilidade aos produtos apícolas.
• hipotensão.
Diabetes.
• Excesso de peso.

Apesar de todos os benefícios do "ouro de abelha", antes de usar o produto, você deve consultar seu médico. Afinal, o mel é um alérgeno forte e, mesmo que a mulher não tenha alergias antes da gravidez, ela pode aparecer durante a gravidez. Neste caso, o uso de um produto de abelha aumenta a probabilidade de uma reação alérgica na criança. Por essa razão, a futura mãe deve limitar o consumo do produto ou abandoná-lo completamente.

Pode mel durante a gravidez

Curiosamente, a composição do mel é semelhante ao plasma do sangue humano. Durante a gravidez, é simplesmente indispensável. Bem, só porque é uma excelente prevenção e a ferramenta número um no tratamento de resfriados. E, em vista do fato de que os medicamentos geralmente são contraindicados durante o período de carregar uma criança, o mel é muitas vezes a única opção de tratamento possível. É capaz de aumentar a circulação uterina, melhora o fluxo linfático, tem um efeito relaxante sobre os músculos da musculatura lisa do útero, vasos sanguíneos, brônquios. As injeções de solução de mel previnem o esgotamento das mulheres no caso de trabalho pesado prolongado e servem como estimulação natural do trabalho no caso de sua fraqueza. Mel incrivelmente valioso e que ajuda grávidas a combater a náusea com toxicosis. Mesmo com vômitos severos, o mel é superior a qualquer outro tratamento. O mel também ajuda a evitar estrias no peito e no estômago, se aplicado na pele. E com a ameaça de aborto, os curandeiros recomendam perga, mães rainhas e cria de abelhas.

Propriedades úteis e características

O mel é um dos produtos da apicultura, produzido a partir do néctar das flores. Tem um sabor doce e aroma perfumado. As pessoas o chamavam de doce âmbar. Inclui aminoácidos, phytoncides, aromáticos, proteínas, bem como uma combinação de ácidos inorgânicos e orgânicos. Entre os componentes úteis também são distinguidos:

    ferro,

Propriedades úteis e a aparência do produto varia, dependendo da natureza de sua origem. Grande valor é mel de acácia. Em sua composição, a frutose prevalece sobre a glicose. Não menos comum é considerado mel de lima. É caracterizada por uma cor amarelada e um cheiro pronunciado de tília.

Gosto peculiar possui âmbar doce de castanha. Tem um amargor característico e cor escura. Este tipo de produto é usado em doenças dos rins e do estômago. O aroma do mel de trevo distingue notas gramíneas de prado. Sua cor é quase transparente.

O mel de trigo sarraceno é considerado uma fonte de ferro. Tem uma tonalidade vermelha escura. Xarope de mel de néctar de framboesa é um dos mais agradáveis ​​em todos os aspectos. A apicultura de hortelã não só elimina os sintomas do resfriado, mas também tem um efeito calmante.

O mel é utilizado como adoçante e como agente independente no tratamento de certas doenças. Seu uso no interior antes de dormir elimina insônia e tensão nervosa. A presença de vitaminas fornece proteção contra gripes e resfriados. A ingestão regular normaliza o trabalho do trato gastrointestinal, especialmente se você comer o produto com o estômago vazio pela manhã.

1 termo

Nos estágios iniciais da gravidez, o mel pode ser um bom protetor contra doenças catarrais. A imunidade durante este período é enfraquecida, o que torna o corpo da mulher vulnerável. Tomar antibióticos é proibido. Mel combinado com limão e muita bebida ajuda a aliviar a febre e curar a tosse.

2 termo

No segundo produto de abelha de trimestre evita a desidratação quando infectado com doenças infecciosas e virais. A solução de mel é freqüentemente usada para dor de dente. Na gravidez, isso é especialmente importante, pois a maioria dos medicamentos não pode ser tomada.

3 termo

No final da gravidez, o mel é usado para eliminar os sintomas da pré-eclâmpsia. Ele lida com náuseas e azia. O produto ajuda a ganhar força com exaustão nervosa. É usado nos casos em que é necessário reduzir o consumo de produtos nocivos. Ele rapidamente satura o corpo, neutralizando a sensação de fome.

Benefício e dano

O âmbar doce tem um efeito benéfico na saúde, não só durante a gravidez, mas também na fase de planejamento. Seu uso permite fortalecer o sistema imunológicosem recorrer a medicamentos. Os benefícios do produto durante a gravidez são os seguintes:

Origem natural causar menos danos ao corpo do que drogas sintéticas. Mas isso não significa a segurança completa desses produtos. O dano do mel é um ganho de peso rápido devido ao alto teor calórico. Quando abusar do produto alta probabilidade de desenvolver uma reação alérgica.

Métodos de uso e dosagem

O mel está envolvido na preparação de remédios populares eficazes para eliminar várias doenças. Deve ser lembrado que para cada caso individual existem dosagens específicas e Regime.

Em combinação com o rabanete, a apicultura é usada para tratar a bronquite. Na raiz é cortado um pequeno buraco no qual a quantidade certa de mel é colocada. Suco de rabanete é misturado com âmbar doce, formando um medicamento poderoso contra a tosse. O xarope é tomado 3 vezes ao dia, 10 ml. Terapêutica Terapêutica dura não mais do que uma semana.

Mel em combinação com aloe é usado para tratar a gastrite. Os componentes são misturados em proporções iguais. Folhas de pré-aloés são cuidadosamente esmagadas. Medicina caseira Tome 2 vezes ao dia por 5 ml. O tratamento é realizado até o desaparecimento dos sintomas da doença.

Leite com mel tomar para resfriados, acompanhados de dor de garganta. Em um copo de leite morno adicione 10 gramas de melaço de mel. É importante monitorar a temperatura da bebida. No leite quente, o produto apícola perderá suas propriedades benéficas. Beber é tomado na hora de dormir, uma vez por dia.

O uso de mel é permitido durante a gravidez?

Comer mel durante a gravidez é permitido e até mesmo recomendado. Para as futuras mães, ela se tornará uma ferramenta indispensável no tratamento e prevenção de muitas doenças, o que é possível devido à rica composição:

  • vitaminas do grupo B, E e K,
  • oligoelementos (zinco, ferro, potássio, magnésio, etc.),
  • provitamina A (caroteno),
  • Ácidos fólico, ascórbico e nicotínico,
  • carboidratos simples e complexos (frutose, sacarose, glicose).

Mulheres em posição são recomendadas todas as variedades deste produto. Por exemplo, o mel de tília protege contra resfriados e trigo-mourisco - da anemia. O mel de acácia impede a constipação, e o pólen de abelha reduz o risco de aborto espontâneo.

Métodos de uso, receitas úteis e dosagem de mel em diferentes fases da gravidez

Dependendo do efeito desejado, o mel é aplicado:

  • Com chá. O chá preto é geralmente usado, mas não é recomendado em altas doses durante a gravidez devido à presença de cafeína. É por isso que muitas vezes é substituído por infusões de ervas caseiras.
  • Com leite. Na ausência de intolerância individual, recomenda-se beber um copo de leite morno com a adição de 1 colher de sopa. mel Esse remédio acalma a hora de dormir e, com o uso regular, alivia a insônia.
  • Com limão. Por via de regra, baseado nele prepare sucos, chás e infusões. Essas bebidas são especialmente boas para a constipação e outros problemas intestinais.
  • Com rabanete. Caldos à base de mel e rabanete são usados ​​há muito tempo na medicina tradicional como remédio para a tosse, mas a planta do repolho é em grande quantidade contra-indicada no início e no final da gestação - a ameaça de aborto espontâneo aumenta.
  • O mel também é tomado como um produto separado para 1 colher de chá. com o estômago vazio ou com outros ingredientes.

Com um resfriado

Para resfriados, o mel é usado como um ingrediente adicional para as principais ervas e plantas. Excelente ajuda:

  • Caldo de sálvia, alho e limão. Para cozinhar você precisa misturar 2 dentes de alho picados, suco de limão e 2 colheres de sopa. sábio Tudo isso é cozido por cerca de 10 minutos. Depois que o caldo esfriar, adicione 2 colheres de chá. mel Aplica-se 2 vezes ao dia.
  • Gotas de cebola e mel. Basicamente, essa ferramenta é usada para eliminar o resfriado comum, que muitas vezes pode ser perturbado por um resfriado. Para preparar as gotas, é necessário espremer o suco da cebola, diluí-lo com água fervida na proporção de 1: 2 e, em seguida, adicione 1 colher de sopa. mel Depois que a mistura preparada esfriar, será possível pingar ambas as passagens nasais. Dosagem - 1 gota em cada narina três vezes ao dia. Normalmente, o curso do tratamento é de 2-3 dias.
  • Suco de cenoura Antes de usar, 1 colher de chá é adicionado ao suco de cenoura. mel Para o melhor efeito, a mistura resultante pode ser misturada com leite morno e beber uma vez por dia durante 7 dias. Esta bebida alivia os principais sintomas de um resfriado, refresca e ao mesmo tempo acalma.

Tendo coberto com uma toalha, é necessário curvar-se sobre o container com a solução e respirar o vapor durante 10-15 minutos. Este procedimento ajuda não apenas com resfriados, mas também com bronquite, laringite, rinite e dor de garganta.

Com gastrite e azia

Com azia e gastrite, o produto não é tomado em sua forma pura, porque Em sua composição existem muitos ácidos orgânicos, mas dissolvidos em água morna, contribuem para a normalização do trato gastrointestinal. Neste caso, é necessário que a temperatura da água esteja ligeiramente acima da temperatura ambiente, porque a água fervente pode destruir as propriedades benéficas do mel.

As receitas mais eficazes:

  • Infusão de folhas de bananeira. Para a preparação necessária em 100 ml de água morna, adicione 1 colher de sopa. folhas esmagadas de banana e 1-2 colher de chá. mel O curso do tratamento é de 2 semanas.
  • Beba de batatas. Em 0,5 litros de suco de batata requer cerca de 5 colheres de sopa. variedades de flores de mel. Antes de beber e adicionar o doce néctar, o suco é pré-aquecido. Você precisa beber 3 vezes ao dia antes das refeições.
  • Beba do leite. Leite deve ser levado a ferver e, em seguida, adicione 1 colher de sopa. mel Beba 1 a 2 xícaras por dia.

O produto também será útil para azia e gastrite como adição a plantas acidificantes. Isso é camomila, milefólio, hortelã e calêndula.

Recomenda-se usar para o tratamento da tosse:

  • Infusão de rabanete. Para cozinhar, você precisa cortar o topo do vegetal e, na polpa, fazer um buraco no qual o mel é derramado. Antes de tomar uma bebida, você precisa esperar até que o rabanete não se destaque suco. Para isto é necessário insistir aproximadamente 10 horas. Tome 1 colher de chá. 2-3 vezes ao dia antes das refeições. Dentro de 3 dias você pode adicionar mel tanto quanto quiser, se terminar.
  • Chá de viburnum e mel. Para preparar você precisa moer 10-20 g de viburnum bagas frescas ou congeladas, despeje água fervente e deixe por 10-15 minutos. Após esfriar, adicione 1 colher de chá. mel, misture bem e beba completamente. Você pode beber esses chás até 3 vezes por semana.
  • Uma bebida de limão e glicerina. Um limão pequeno deve ser colocado em água fervente e cozinhar por 20 minutos e, em seguida, retire, corte e esprema o suco em um copo. Deve ser adicionado 1 colher de chá. mel e 2 colheres de sopa. glicerol. Beba uma bebida deve ser refrigerada, por isso antes de usar pode ser colocado na geladeira por meia hora. Tome necessidade de 1 colher de sopa. até 5 vezes por dia durante a semana.

Mel junto com limão também pode ser adicionado ao chá regular e beber 2-3 vezes ao dia. Essa ferramenta aquece e melhora o bem-estar.

Pin
Send
Share
Send
Send