Gravidez

O papel da droga Femoston 2

Pin
Send
Share
Send
Send


Ser mãe é o principal objetivo de uma mulher. Aquelas mulheres que, por qualquer motivo, não podem alcançar essa meta querida por conta própria, estão prontas para procurar ajuda médica de uma grande variedade de especialistas, passar por uma série de exames e suportar procedimentos desagradáveis. No entanto, nem todos e nem sempre são tão trágicos. Há casos em que basta uma mulher se submeter a um tratamento com uma droga especial, e aqui está a felicidade. A gravidez começa e a mulher vive em antecipação a um milagre - o nascimento de uma nova pessoa, seu filho.

Hoje, muitos medicamentos foram desenvolvidos para ajudar uma mulher a engravidar. Um deles é Femoston 2/10. Ao planear uma gravidez, este medicamento pode fornecer um apoio significativo ao corpo feminino e criar condições para uma fertilização bem sucedida do óvulo.

Componentes principais e forma de liberação

A droga é uma droga hormonal combinada projetada para eliminar a deficiência do hormônio estrogênio no corpo de uma mulher e fornecer terapia terapêutica para o sangramento uterino disfuncional. As pastilhas "Femoston 2/10" empacotam-se em pacotes de 28 partes, em cada bolha são de duas cores: rosa e amarelo-claro. 14 comprimidos cor-de-rosa como substância activa contêm estradiol num volume de 2 mg cada. Os restantes 14 comprimidos (amarelo claro) contêm 2 mg de estradiol e 10 mg de didrogesterona cada.

Os componentes auxiliares são lactose, hipromelase, amido (milho), estearato de magnésio e dióxido de silício coloidal.

Os comprimidos são biconvexos, redondos, revestidos por película.

Medicação prescrição

A droga "Femoston 2/10" (comentários, instruções confirmam esta informação) - uma boa maneira de compensar a falta de estrogênio, que muitas vezes é observada após a menopausa. Este medicamento também é bom para eliminar anomalias psico-emocionais e vegetativas que acompanham o início da menopausa. Estes incluem hiperidrose (sudorese), rubor da pele da face, aumento da irritabilidade nervosa, anormalidades no sono, dores de cabeça, tontura, perda de massa óssea (osteoporose).

Há outras indicações para o uso de femoston 2/10 e a gravidez na fase de planejamento é uma delas. Para sua nomeação deve haver certas condições:

1) uma quantidade insuficiente de estrogênio até o final da primeira metade do ciclo menstrual (fase folicular) fará sentir-se uma espessura insuficiente (não mais do que 7-8 mm) da camada endometrial,

2) esterilidade diagnosticada causada por um desequilíbrio hormonal no corpo.

Profissionais médicos com essa droga buscam resolver problemas que impedem as mulheres de engravidar: uma fina camada do endométrio e falta de estrogênio. Didrogesterona - um dos componentes da droga "Femoston 2/10" - ao planejar a gravidez, estimula a mucosa uterina a crescer, engrossar. Isto é importante para que o ovo fertilizado adira livremente à parede do útero.

Além disso, o medicamento ajuda o corpo da mulher a restaurar a regularidade do processo de ovulação, sem a qual a concepção e a ocorrência de gravidez são impossíveis em princípio. Embora eu deva dizer que no processo de tomar pílulas de ovulação e não deve ocorrer. Este processo é retomado após o término da terapia.

Muitos do belo sexo duvidar da eficácia do uso da droga "Femoston 2/10". Revisões, a gravidez que ocorreu em um número considerável de mulheres após o término da recepção, provam que tomar este medicamento é muito justificado no planejamento da concepção.

Para quem o medicamento é contra-indicado?

"Femoston 2/10" ao planejar a gravidez é nomeado de forma nenhuma todo especialista. A razão é uma grande lista de contra-indicações. Não deve ser tomado por mulheres que tenham sido diagnosticadas ou sejam suspeitas de terem neoplasias malignas dependentes do nível de estrogênio e progesterona.

Não prescreva o medicamento a mulheres que sofram de sangramento vaginal de origem inexplicável, não hiperplasia curada (crescimento patológico) do endométrio. O uso da droga na presença (ou marca na história) de um thrombembolia venoso, angina, infarto do miocárdio (na fase ativa ou transferido recentemente) é inaceitável.

É proibido levar o medicamento a pacientes que sofram de doenças do fígado em estágio ativo, ou se os indicadores bioquímicos desse órgão ainda não tiverem voltado ao normal. Uma contraindicação para tomar a medicação é a presença da doença porfirina de um paciente (uma violação do metabolismo do pigmento devido ao aumento do conteúdo de porfirinas nos tecidos e no sangue).

Mulheres com sensibilidade individual ao estradiol e à didrogesterona, assim como o restante da droga “Femoston 2/10”, não devem tomar este medicamento. Comentários, instruções indicam os efeitos negativos no caso de tomar o medicamento durante a gravidez. Portanto, você deve parar de usá-lo, mesmo se você apenas assumir uma posição interessante. No período de lactação, o agente também é proibido. Não marcá-lo para crianças e adolescentes com idade inferior a 18 anos.

Possíveis efeitos negativos do uso da droga

Na maioria das vezes, a medicação pode ser ouvida em um contexto negativo em conexão com manifestações negativas na forma de dores de cabeça, sensações desagradáveis ​​na região pélvica e no abdômen, ataques de enxaqueca, náusea, flatulência. O uso de "Femoston 2/10" pode causar sensações dolorosas nas glândulas mamárias, aumentar sua sensibilidade, provocar o aparecimento de secreção sanguinolenta da vagina contra o pano de fundo da menopausa que já ocorre, afetar significativamente a mudança de peso (aumento ou diminuição).

Estudos clínicos mostraram que muitas vezes se pode ouvir sobre os efeitos colaterais na forma do desenvolvimento de candidíase vaginal, um aumento no tamanho dos miomas uterinos, mudanças na libido, aumento do nervosismo ou depressão. Além disso, o desenvolvimento de ulcerações no colo do útero, o aparecimento de quitação dos especialistas do canal cervical colocar dependência direta sobre a administração da droga "Femoston 2/10". Revisões de médicos relatam que casos de edema periférico, urticária, erupções cutâneas e dismenorréia foram registrados no contexto do uso do remédio.

Muito raramente, mas você pode ouvir sobre os efeitos colaterais como distúrbios no funcionamento do fígado, síndrome de tensão pré-menstrual, uma mudança (geralmente em grande forma) curvatura da córnea do olho, rejeição, rejeição de lentes de contato.

Às vezes é possível o desenvolvimento de doenças tão terríveis como o golpe, a suscetibilidade aumentada ao infarto do miocárdio, anemia (natureza hemolytic), purpura vascular. Houve casos de aumento da pressão arterial, o desenvolvimento de dispepsia, pancreatite, lúpus eritematoso sistêmico, a ocorrência de sinais de demência (raramente).

Regime de dosagem e regime de dosagem

Antes de responder à pergunta de como beber Femoston 2/10, deve dizer-se que o componente estrogênico da medicação se recomenda a tomar-se continuamente, e o progestogênico - do meio do ciclo menstrual ao fim (com um ciclo de 28 dias, começa do dia 15). Simplificando, no primeiro semestre uma mulher deve tomar um comprimido rosa, e a partir do meio do ciclo, como regra, a partir do dia 15, vai receber comprimidos amarelos.

Normalmente, a terapia começa com uma dose mínima de estradiol, que é de 1 mg. Por conseguinte, se se pretender o tratamento prolongado combinado com a utilização deste medicamento, os especialistas preferem prescrever primeiro o Femoston 1/10. Além disso, se necessário, o paciente é transferido para uma dose maior.

O início do tratamento só é permitido após o término do ciclo completo de quatro semanas.

Se por algum motivo a próxima pílula foi perdida, você deve beber imediatamente. No entanto, se mais de 12 horas se passaram desde a hora em que o medicamento é normalmente consumido, já não é necessário tomar a dose em falta. Não é recomendado o uso de uma dose dupla de medicação femoston 2/10. Drogas semelhantes são caracterizadas principalmente pelas mesmas características da recepção. Se você tomar uma dose dupla, você ainda não poderá compensar a dose esquecida, mas a probabilidade de sangramento aumentará. Também nesses casos, o aparecimento de manchas no corrimento vaginal é possível.

Quanto ao uso do medicamento por pacientes com mais de 65 anos, é difícil dizer algo aqui, já que não há informações suficientemente confiáveis ​​sobre os resultados desse uso. Como não há provas, a fim de prescrever "Femoston 2/10" (a droga ainda é hormonal) para crianças e adolescentes.

Medicamentos similares

Se falamos sobre os análogos estruturais (genéricos) "Femoston", então o mais próximo deles é "Femoston 1/5 Conti". Um princípio semelhante de influência no corpo de uma mulher tem "Trisequens", "Divina", "Kliogest", "Clemonorm". A palavra decisiva na pergunta de como substituir "Femoston 2/10", deve permanecer com o médico assistente.

De uma maneira positiva, os trabalhadores médicos falam de um análogo como "Klimonorm". A razão é que, de acordo com estudos clínicos, neste medicamento, o componente progestogênico está presente na dosagem ideal necessária para o controle efetivo do ciclo e para garantir o nível adequado de proteção do endométrio contra os efeitos do estrogênio. Paralelamente, é possível preservar os efeitos positivos do estrogênio no estado do sistema cardiovascular e no metabolismo lipídico.

Também "Femoston 2/10", cujos análogos compõem um grupo bastante grande, os pacientes muitas vezes substituem-se com a droga "Angelique". Embora os especialistas estejam inclinados a acreditar que não existe uma diferença particular entre esses medicamentos. A principal diferença é que o componente progestogênico da Angélica é drospirenona na dose de 2 mg por comprimido.

Então, e a gravidez?

Se se sabe ao certo que uma mulher está grávida ou se existe razão para presumir tal facto, deve parar de tomar Femoston 2/10.

Ao planejar a gravidez, ela pode ser muito eficaz porque o volume de estradiol em comprimidos cor-de-rosa recomendados para admissão na primeira metade do ciclo não diminui e não suprime o processo de ovulação, simula o fluxo correto da fase folicular e estimula as células do endométrio a se dividirem e crescerem.

O equilíbrio ideal dos dois componentes principais para a segunda metade do ciclo é capaz de garantir (no caso da concepção) a introdução normal de um óvulo fertilizado nas camadas internas do útero. Assim, "Femoston 2/10" (revisões de médicos mais uma vez confirmam) é um meio de eliminar desvios do ciclo menstrual.

Opinião de pacientes sobre medicação

As revisões dos pacientes são bastante controversas. Na maioria das vezes, o medicamento era usado para normalizar a condição após a menopausa e para o planejamento da gravidez. Muitos saem entusiasmados com a droga "Femoston 2/10" comentários. Gravidez devido a terapia faz as mulheres felizes. Esses pacientes falam sobre a boa tolerabilidade das pílulas, sobre estabilizar o estado de saúde, melhorar o bem-estar. A droga tem um bom efeito sobre a pele, é capaz de normalizar o ciclo menstrual (no caso de sua violação).

A maior parte do feedback negativo está associada ao desenvolvimento de efeitos colaterais. Os pacientes falam sobre depressão, ganho de peso, aparecimento de edema, dor nas articulações. Pode haver uma diminuição na atividade física, o aparecimento de erupções cutâneas. Um grupo separado de mulheres reclama da falta do efeito esperado.

Médicos sobre "Femoston"

De acordo com profissionais médicos, Femoston 2/10 é uma droga que é altamente eficaz no tratamento de condições dolorosas associadas com insuficiência dos ovários e seu esgotamento prematuro. Os comprimidos são geralmente bem tolerados pelos pacientes. Estudos clínicos sugerem um efeito positivo no perfil lipídico do sangue, no bem-estar geral das mulheres. Também há motivos para falar sobre o aumento do consumo de oxigênio e o aumento do efeito protetor dos ossos do estrogênio.

No entanto, nem todos os ginecologistas falam tão bem sobre Femoston. Segundo muitos, a dosagem de substâncias ativas na droga é bastante alta, e no caso de gravidez, a ferramenta pode afetar adversamente o feto. Além disso, os especialistas acreditam que, ao planejar a concepção, a droga é ineficaz: a gravidez ocorre na maioria dos casos somente após um uso muito longo. Os doutores observam e manifestações bastante frequentes de efeitos de lado na forma de dores de cabeça, vertigem, flatulência, irritabilidade, náusea. Em casos raros, existem violações mais graves.

Então, onde está a verdade?

Naturalmente, um grande grupo de trabalhadores médicos está inclinado à necessidade do diagnóstico mais precoce possível e ao início do tratamento diferenciado para mulheres cuja função ovariana está comprometida, o que torna a gravidez impossível.

No entanto, existe um grupo bastante grande de ginecologistas que sabe como substituir "Femoston 2/10" no caso do desejo de uma mulher de conceber e dar à luz uma criança. Os médicos preferem prescrever medicação especial “Duphaston” para a primeira metade do ciclo, o que aumenta a probabilidade de gravidez.

Em qualquer caso, você deve aderir estritamente às instruções, levar em conta as contra-indicações e resolver todos os problemas que surgirem com seu médico.

Que tipo de droga?

O principal objetivo da droga Femoston é normalização dos níveis hormonais durante a menopausa. Para as mulheres, o início da menopausa pode ser um dos períodos mais críticos. Sob a influência do ajuste hormonal, mudanças de humor são observadas, o ganho de peso é possívelaumenta a probabilidade de algumas doenças. A recepção de Femoston suaviza os sintomas aparentes.

A ação da droga é baseada no conteúdo de didrogesterona e estradiol. A função auxiliar é realizada por componentes como lactose, estearato de magnésio e amido de milho. Para entender que efeito Femoston tem sobre o corpo feminino, você precisa considerar o que acontece quando falta de estrogênio.

Este fenômeno é caracterizado pelos seguintes sinais de:

A recepção de Femoston ajuda a eliminar os sintomas listados. Mas o uso da droga é praticado não só durante a menopausa. Nos últimos anos, a ginecologia tem usado o método de atrair Femoston quando deficiência de estrogênio. Esse desvio interfere no processo de concepção bem-sucedido, transformando-se gradualmente em esterilidade.

Como ajuda o femoston ao planejar a gravidez?

A presença de inflamação crônica ou distúrbios hormonais pode levar à depleção do endométrio. Ele desempenha um papel importante no processo. implantação de embriões para a cavidade uterina. Após a ovulação, o tamanho do endométrio deve exceder 10 mm. Anormalidades indicam a presença de certos problemas. Muito freqüentemente, junto com crescimento insuficiente do endométrio endometriose e anovulação.

Femoston simultaneamente eleva o nível de:

    estrogênio (hormônio da primeira fase do ciclo, responsável pelo crescimento dos folículos e pelo aumento do endométrio),

Qual dosagem tomar?

A droga tem vários variedades de dosagem. Sua escolha é feita, dependendo da idade do paciente e da gravidade da doença. Dosagem incorreta pode causar efeitos colaterais. O pacote contém dois tipos de comprimidos que diferem em sua cor. Determina qual fase do ciclo eles precisam tomar.

Dosagem 1/5

Femoston na dosagem 1/5 prescrito para mulheres em idade mais madura, sujeito à ausência de menstruação por mais de um ano. Na primeira vez, pode ocorrer sangramento menstrual, mas com o tempo eles desaparecem.

Contra o pano de fundo de tomar a droga, é necessário realizar exames regulares do corpo. Atenção especial deve ser dada o estado das glândulas mamárias.

Femoston 1/10

O medicamento, apresentado em uma dosagem de 1/10, é usado após a intervenção cirúrgica para remover os órgãos reprodutivos. Nesta situação, Femoston deve ser levado até o período da menopausa.

Caso contrário, o corpo desenvolve reações negativas alterações hormonais significativas. Afeta o estado geral de saúde.

Femoston 2/10 ao planejar a gravidez

Dosagem 2/10 é aplicada na fase de planejamento da gravidez. Nesse caso, a concentração de hormônios é muito menor, o que permite que as mulheres em idade reprodutiva o tomem. Принимать лекарство нужно по одной таблетке каждый день, желательно в одинаковое время.

Нередко прием препарата совмещают с использованием других прогестероносодержащих лекарственных средств. К ним относятся Дюфастон и Утрожестан.

Под влиянием Фемостона в дозировке 2/10 фолликулы увеличиваются в размерах в соответствии с нужными нормами. Ao mesmo tempo, o endométrio cresce.

Femoston não interfere com a implementação do processo de ovulação. Na segunda fase do ciclo suporte de progesterona é obrigatório. Sem isso, a gravidez pode falhar no estágio inicial.

Contra-indicações e efeitos colaterais

As estatísticas mostram que nem todas as mulheres podem transferir com segurança a recepção de Femoston.Muitas vezes há uma deterioração na saúde, tontura, fadiga. Para evitar o aparecimento de reações desagradáveis, deve levar em conta as contra-indicações do medicamento. Estes incluem o seguinte:

    Presença de sangramento intermenstrual,

Concepção no cancelamento de femoston

Na maioria dos casos, os especialistas recomendam planejar uma gravidez. após a descontinuação do medicamento. Acredita-se que pode influenciar o desenvolvimento da criança no futuro.

Depois que o femoston é cancelado, o corpo armazena os hormônios necessários. Gradualmente, eles começam a se desenvolver de forma independente.

Vale ressaltar que durante o período de tomar as pílulas, a mulher está mais focada em engravidar. Após a descontinuação da droga, ela libera a situação, restaurando-a estado psicológico. E a atitude interna é muito importante na fase de planejamento da gravidez.

Comentários FemostoneA maioria das mulheres relata uma manifestação significativa de efeitos colaterais enquanto toma a droga. A primeira vez que o corpo passa período de adaptação. Neste momento, náuseas, fraqueza leve, dor abdominal, flatulência, tontura podem aparecer.

Mas com o tempo, todos os sintomas desaparecem. Algumas mulheres não sentem nenhum desconforto. A eficácia do medicamento é bastante alta. Isso leva à gravidez desejada na ausência de problemas mais sérios.

Antes de começar a tomar medicamentos contendo hormônios, recomenda-se consultar com vários especialistas. Em alguns casos quantidade de efeitos colaterais pode exceder o benefício do medicamento.

Princípio de funcionamento

A droga Femoston é uma pílula, que consiste em 2 mg de estradiol e 10 mg de didrogesterona. Daí o esclarecimento no título "2/10". Também nas farmácias você pode encontrar outra dose: Femoston 1 (1/10), (1/5). O objetivo do uso da droga é terapia hormonal para pacientes com falta de estrogênio. Femoston 2/10 pode ser tomado apenas por recomendação de um médico. Uma quantidade individual de hormônios é selecionada para cada paciente.

A ação do medicamento devido a seus componentes. Ambos os ingredientes ativos são idênticos aos hormônios sexuais femininos produzidos durante o ciclo menstrual.

O estradiol reduz as manifestações de sintomas vegetativos que se desenvolvem com a falta de estrogênio: insônia, deterioração da pele, sudorese excessiva, diminuição da libido, secura vaginal e outros. Ao mesmo tempo, afeta o perfil lipídico, que é acompanhado por uma diminuição no nível de colesterol e lipoproteína de baixa densidade, bem como um aumento na droga de alta densidade.

O segundo componente, a didrogesterona, controla o estado do endométrio, transferindo-o para a fase secretora. O uso da droga reduz a probabilidade de hiperplasia e outras alterações patológicas na camada funcional do útero.

Indicações de uso Femoston para gravidez não está nas instruções. No entanto, o medicamento é prescrito para pacientes que sofrem de um desequilíbrio de hormônios. Neste ponto, muitos deles têm dúvidas sobre se Femoston irá interferir no planejamento da gravidez. Os ginecologistas afirmam que a droga não pode reduzir a probabilidade de concepção.

Posso engravidar enquanto estiver tomando Femoston?

Gravidez femoston pode ocorrer. A droga tem um efeito positivo sobre o equilíbrio dos hormônios femininos. Muitas vezes, a concepção não ocorre devido a um nível reduzido de estrogênio, que determina o crescimento do endométrio.

Para a fertilização, é necessário que o espermatozoide se encontre com o óvulo. Mas é igualmente importante que a camada funcional do útero seja de espessura suficiente adequada para implantação. Se o endométrio no momento da liberação do ovo é de 7 mm ou menos, o ovo fertilizado simplesmente não pode ser fixado nele.

A droga Femoston contribui para o crescimento da camada mucosa e também a traduz na fase secretora. Devido a isso, a célula fertilizada pode ser implantada e desenvolvida.

Se a causa da infertilidade não é a deficiência de estrogênio e problemas com o endométrio, Femoston não vai ajudar a engravidar. Portanto, é importante primeiro estabelecer a causa da infertilidade. A dosagem do medicamento para mulheres é de 1 comprimido por dia. É importante tomar comprimidos ao mesmo tempo todos os dias. O que exatamente Femoston comprar, decide o médico com base em estudos de laboratório.

Efeito na ovulação

Numerosos casos de uso da droga Femoston mostram que ela não afeta a ovulação. Se não houver maturação do folículo durante a infertilidade, o medicamento hormonal não o provoca. A droga não tem efeito estimulante.

Se a ovulação ocorre regularmente no corpo de uma mulher, Femoston não a suprimirá. O medicamento não tem um efeito contraceptivo, portanto não deve ser usado para protegê-lo da concepção também.

Femoston 2/10 e o início da gravidez

Antes de usar um medicamento hormonal, você deve garantir que não haja gravidez. Referindo-se às instruções, você pode aprender que carregar um feto é uma contra-indicação para tomar medicação.

Concepção pode acontecer enquanto estiver tomando Femoston. O medicamento contribui para isso. Portanto, se houver um atraso no próximo ciclo, você deve fazer imediatamente um teste rápido. Se uma mulher ficou grávida em Femoston, então o próximo pacote de medicina hormonal não pode ser bebido. Devemos ir imediatamente ao médico e descobrir o que fazer a seguir. Muitas vezes, duphaston é prescrito no início da gravidez. Compensa a deficiência de progesterona, um hormônio necessário para o desenvolvimento seguro da gravidez.

Quem é proibido de tomar o remédio

Femoston ao planejar a gravidez, bem como para eliminar os sinais causados ​​pela deficiência de estrogênio, não é prescrito para tais condições:

  • gravidez e amamentação,
  • câncer de mama
  • cancros dependentes de hormonas,
  • sangramento do trato genital de natureza desconhecida
  • trombose e tromboembolismo,
  • doença hepática aguda
  • hiperplasia endometrial,
  • porfiria
  • intolerância aos componentes.

Com cautela, o medicamento é prescrito para: tumores benignos dependentes de estrogênio, hipertensão, tumores hepáticos, epilepsia, diabetes mellitus, enxaqueca, asma brônquica e outras doenças autoimunes.

Os efeitos colaterais da droga são observados em alguns pacientes:

  • ingurgitamento mamário,
  • sangramento do trato genital,
  • dispepsia,
  • dor de cabeça, tontura,
  • depressão
  • mudanças no sistema cardiovascular,
  • reacções alérgicas
  • inchaço
  • mudanças na visão,
  • ganho de peso.

Tomar femoston quando planejar a gravidez é possível, e às vezes até necessário. Sob certas condições, a medicação ajuda a engravidar, mas se a infertilidade é causada por outras razões, então mesmo o uso prolongado de Femoston não ajudará a conceber.

Regime

Em um pacote, 14 deles incluem apenas o componente de estrogênio (etinilestradiol), e os restantes 14 componentes de estrogênio e progesterona (etinilestradiol com didrogesterona).

As principais indicações para a nomeação de femoston servem como terapia de reposição hormonal durante a menopausa e a prevenção da osteoporose em mulheres na pós-menopausa.

Na Rússia, os ginecologistas começaram a prescrever o medicamento ao planejar uma gravidez, especialmente quando há estrogênio insuficiente na primeira fase do ciclo e com uma pequena espessura do endométrio (7 mm ou menos) na segunda fase. O hipoestrogenismo não permite que o folículo atinja o tamanho necessário e “fica preso” em seu desenvolvimento - a longa persistência do folículo e a implantação de um óvulo fertilizado no endométrio, que não atingiu a espessura necessária (13 mm ou mais) se torna impossível.

Assim, a indicação para a nomeação de Femoston 2/10 ao planejar a gravidez é endométrio hipoestrogênico e fino. Ginecologistas após a ovulação adicionar duphaston ao tratamento com a droga. Femoston é administrado por vários meses, a concepção não ocorre durante o tratamento, mas após a descontinuação do medicamento.

Ginecologistas de opiniões na nomeação de femoston planejando gravidez dividiram-se. Metade dos médicos considera este tratamento justificado, enquanto o outro insiste em uma seleção individual de drogas estrogênicas e sua dosagem na primeira fase do ciclo e progesterona contendo no segundo. Segundo médicos e pacientes, a probabilidade de gravidez após o tratamento femoston é de 50%.

O que é Femoston 2/10 e como funciona ao planejar a gravidez

A forma de libertação é uma bolha com 28 comprimidos convexos revestidos com um revestimento especial. Metade deles tem uma coloração rosada, a segunda metade é amarelada. O principal ingrediente ativo da pílula é rosa - dois miligramas de estradiol. E nos comprimidos amarelados, além deste hormônio contém outros dez miligramas de didrogesterona. Muitas vezes, a dose prescrita da droga 2/10 significa que ela contém dois miligramas de estradiol e dez miligramas de didrogesterona. A ferramenta está disponível em mais duas doses - 1/10 e 1/5.

No entanto, um medicamento hormonal que é prescrito para pacientes que querem ter um filho, de acordo com as instruções, não é indicado para mulheres que planejam uma gravidez. Bobagem?

Os principais ingredientes ativos desta ferramenta são dois hormônios sexuais femininos. Sua ação é destinada a normalizar os níveis hormonais durante o início da menopausa, para aliviar os sintomas da menopausa. O estradiol é capaz de compensar a falta de estrogênio, e a didrogesterona causa a secreção do endométrio. A droga foi originalmente concebida para ajudar as mulheres que têm menopausa.

Ginecologistas mudaram a nomeação de comprimidos com estrogênio. Eles estão tentando com esta droga para resolver o problema das mulheres que não podem engravidar por conta própria. Muitas vezes, a causa disso é o afinamento do endométrio e a falta de estrogênio. O hormônio didrogesterona contribui para o espessamento do endométrio, o aumento do volume da membrana mucosa do útero. Este é um ambiente muito favorável para a fixação de um óvulo fertilizado.

Indicações para uso no estágio de planejamento

Antes de atribuir Femoston, um especialista deve determinar a espessura do endométrio da mulher para o período atual. Isso é feito usando o procedimento de ultra-som. Se no final da primeira fase do ciclo menstrual, este valor é de sete milímetros, então tudo leva a uma falha da ovulação. Gravidez nesta situação não ocorre. Os ginecologistas consideram o endométrio adelgaçado como uma indicação para tomar o medicamento.

Femoston 2 é possível engravidar?

Femoston 2 é possível engravidar? O que é essa droga? Este é um estrogênio, ou seja hormônios sexuais femininos. É geralmente usado como terapia de reposição hormonal durante a menopausa. Femoston tratamento da infertilidade é o know-how de nossos médicos. Meu ginecologista assegurou que alguns de seus pacientes tiveram uma gravidez depois de femoston.

Antes de tomar este medicamento, fiz um ultra-som das glândulas mamárias, porque se houver algum tumor maligno, ele pode começar a progredir. Eu tinha selos benignos. No final, comecei a tomar Femoston 1/10, inicialmente o médico me receitou. Eu tive que beber um curso - três meses, depois passar em testes de hormônios.

Francamente, não me lembro da dosagem da droga e do esquema também, então não vou mentir para você. Depois de três meses, os testes hormonais mostraram pequenas alterações e eu fui transferido para Femoston 2/10, e eu levei seis meses. Houve melhorias nele. E o médico me disse que era necessário tentar, já que eu simplesmente não tinha outra saída. Femoston ao planejar a gravidez pode me ajudar a conceber um bebê.

31 de dezembro, eu bebi a última pílula. E meu marido e eu começamos a tentar. O final de fevereiro chegou, e eu não tive menstruação ou gravidez. Meus dois problemas eternos. Eu assisti a máquina de ultra-som por um mês, não houve ovulação. Comecei a me preparar para a laparoscopia. Eles me disseram para vir quando eu estivesse moralmente pronto. Mas eu estava deprimido. Mulheres que estão tentando engravidar por um longo tempo me entenderão.

Você conhece esse sentimento quando bebe hormônios durante meio ano e espera, espera, quando o tempo passa. Você acha que este é o último curso, e então eu me tornarei uma mãe. Imagine como você vai engravidar. Você vem para a recepção e o médico diz que não há resultado. Atribui novos medicamentos e tudo começa de novo. Você está esperando de novo. E assim vai ano após ano. Você olha para suas namoradas-múmias, para as crianças no carrinho de bebê no parque e esse desespero às vezes rola. Você pergunta por que eu, porque os alcoólatras dão à luz, mas eu não posso. E mais uma vez, exames, hormônios, mas o bebê não é. Em algum momento, apenas desista. Eu tenho apenas um momento desses.

Femoston e gravidez

Agora, o mais importante é Femoston e gravidez. Por cerca de um mês eu estava deprimido, mas depois percebi que nunca deveria desistir e decidi fazer a laparoscopia. Eu decidi que nada pode ser feito se a gravidez em femoston 2/10 não aconteceu. O quintal já estava no final de março. Eu tive um resfriado e tive febre, dor de garganta e tosse. Eu engoli antibióticos em toneladas.

E por volta do começo de abril, tive um aborto espontâneo. Sim, sim, foi ele. Eu confiei tanto nos médicos que não pude imaginar que poderia engravidar. Muito provavelmente, a concepção ocorreu em março. 3 de abril, a gravidez foi interrompida. Para saber exatamente se foi um aborto espontâneo, basta fazer um teste de gravidez, ele ainda mostrará duas tiras por duas semanas até que os hormônios sejam restaurados. Eu tinha duas tiras, tão esperadas. Nenhuma limpeza foi necessária, tudo acabou por si.. Não vou escrever sobre um aborto espontâneo. Leia mais sobre os sinais de aborto espontâneo no período inicial, como aconteceu e por que, leia este post. Gravidez femostona 2/10 ocorreu. Assim como entendi, a minha ovulação foi muito tardia, cerca de 50 dias do ciclo.

Eu chorei um pouco no consultório do médico, mas ela disse que eu posso planejar uma gravidez agora enquanto ainda há um femoston. Eu me acalmei e até fiquei encantada. Em mim, em linha reta, uma sensação de alegria inundou. Eu percebi que eu poderia engravidar sem fertilização in vitro, se eu fizesse isso uma vez, significa que haverá outro. Tendo parado de pensar no mal, tentei me concentrar apenas nos aspectos positivos. Aqui eu sou tão otimista!

Como resultado, fiz testes de gravidez durante todo o mês para não perder. Eu tinha certeza absoluta de que eles estavam prestes a mostrar duas tiras. Mudei um monte de testes e agora em 23 de maio eu os vi. Felizmente para mim, não havia limite. Ela correu para o médico e passou no teste do hormônio da gravidez hCG. Eu estava grávida. Eu tive uma gravidez depois de femoston. Então por mais duas semanas ela deu em dinâmica. Os valores de hCG aumentaram e a gravidez desenvolveu-se. Comecei a puxar minha barriga com força, fiquei com medo de que ela pudesse ser ectópica, fizesse um ultrassom, tudo se mostrasse normal, fui nomeado Duphaston e enviado para me registrar na clínica pré-natal. A que horas é melhor ler em este artigo.

Essa é a história da minha gravidez. Então os médicos me repreendiam, que eu estava tão imprudentemente grávida, logo após o aborto espontâneo, mas eu não os escutei, eu estava apenas feliz. Leia mais sobre como minha gravidez foi em femoston 2/10 e se houve alguma dificuldade que você pode descobrir este artigo. Espero que o meu post: "Femoston 2/10 opiniões ao planejar a gravidez" será útil para você.

A principal coisa que eu gostaria de desejar a todas as futuras mamães, e eu não tenho dúvidas de que você definitivamente se tornará uma mãe, caso contrário simplesmente não pode ser, não desista, não se desespere, tente ver positivo em todas as situações da vida. Afinal, não há pessoas derrotadas, há pessoas que se renderam. Eu não disse isso, mas Leonardo Da Vinci. Boa sorte !!

Quando prescrito

Femoston é um substituto sintético para hormônios femininos: estradiol e didrogesterona. Tais hormônios permitem que o útero aumente o endométrio da espessura necessária em diferentes períodos do ciclo menstrual. Com a falta desses componentes é o esgotamento das paredes do útero, o endométrio não aumenta, a ovulação não ocorre por causa de amenorréia e uma fina camada do endométrio (menos de 7 mm).

Mecanismo de impacto

As razões para a concepção fracassada no nível hormonal, na maioria das vezes, é a quantidade insuficiente de estrogênio no final da primeira fase do ciclo menstrual. O endométrio diluído não esfolia, respectivamente, e o ovo não amadurece, o início da fertilização do ovo é impossível.

O mecanismo de ação de Femoston provoca um reabastecimento artificial do hormônio estradiol, garantindo inicialmente o crescimento da mucosa uterina e sua compactação, em seguida, a esfoliação do endométrio. A ferramenta cria um ambiente favorável para fixação no útero do óvulo já fertilizado.

Главная задача Фемостона – компенсировать недостаток гормонов, которые необходимы для нарастания и отслаивания эндометрия. Отличие таких лекарств от противозачаточных средств в том, что они не способствуют подавлению овуляции, а провоцируют ее.

При планировании беременности

Para a concepção, Femoston é prescrito na dose de 2/10.

Esta proporção de hormônios permite aumentar o endométrio, contribuindo para o desenvolvimento e a maturação do ovo.

Embalagem do medicamento é dividido em duas partes: comprimidos rosa e bege. Existe uma medida temporária pela qual é mais fácil navegar na recepção.

O curso do tratamento é de 28 dias, o ciclo menstrual normal. Neste momento, há uma substituição artificial de hormônios: os primeiros 14 dias são tomados comprimidos com estradiol, depois duas semanas - com didrogesterona. O último componente é uma reposição sintética de progesterona. A partir do 14º dia, com base na ingestão da segunda parte do medicamento (didrogesterona), o Duphaston é administrado em paralelo para estimular ainda mais a ovulação.

Posso engravidar em Femoston 2/10?

Gravidez ao tomar uma droga sintética hormonal é impossível.

A fertilização ocorre durante a maturação do ovo, que é formado na segunda fase.

Se você tomar Femoston qualquer dose nas primeiras semanas de gestação (por ignorância), isso sempre provocará um aborto espontâneo.

Quem é contra-indicado

Contra-indicações:

  • suspeita de gravidez
  • oncologia,
  • diabetes mellitus
  • epilepsia,
  • selos ou nós nas glândulas mamárias,
  • endometriose,
  • trombose
  • lúpus eritematoso sistêmico,
  • hiperplasia endometrial,
  • hipertensão arterial
  • asma brônquica.

Comer é importante para parar com icterícia ou outras doenças do fígado. A hipertensão arterial, enxaquecas e indisposição também servem como indicações para a retirada ou substituição de drogas.

Quando esperar por resultados positivos?

Drogas hormonais que ajudam a estabelecer o ciclo menstrual e estabilizar o crescimento do endométrio são tomadas por pelo menos três meses. A fertilização, por via de regra, ocorre no contexto da rejeição da droga em consulta com o doutor.

O regime de tratamento e a duração do curso da terapia são rigorosamente seguidos no cronograma. A gravidez ocorre no primeiro ou segundo ciclo natural após a descontinuação do medicamento.

O uso de drogas hormonais adicionais para o início da gravidez é freqüentemente usado em ginecologia, se os desequilíbrios hormonais são a causa da infertilidade. No entanto, vale lembrar que tais recursos exigirão disciplina e conformidade com as recomendações do ginecologista. Femoston não é uma garantia de 100% de gravidez, mas aumenta as chances de concepção.

Pin
Send
Share
Send
Send